Consulta no Site
Início | Mapa do Site | Fale Conosco
Ibitipoca
Itacolomi
Nova Baden
Rio Doce
Rio Preto
Serra do Brigadeiro
Serra do Rola Moça
Baleia
Biribiri
Campos Altos
do Sumidouro
Grão Mogol
Lagoa do Cajueiro
Mata Seca
Pico do Itambé
Rio Corrente
Serra da Candonga
Serra das Araras
Serra do Cabral
Serra do Papagaio
Serra Negra
Serra Nova
Sete Salões
Verde Grande
Veredas do Peruaçu
Conheça as Áreas
O Parque Estadual tem como objetivo básico a preservação de ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação e interpretação ambiental, de recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico. Pertence à categoria de unidades de conservação de proteção integral e é de posse e domínio públicos.

A visitação está sujeita às normas e restrições estabelecidas no Plano de Manejo da unidade, às normas estabelecidas pelo IEF e àquelas previstas no regulamento da unidade.

A pesquisa científica depende de autorização prévia do IEF e está sujeita às condições e restrições por este estabelecidas.

Parque Estadual é uma categoria de unidades de conservação, que se destaca pela grande beleza cênica e relevância ecológica. Os parques são criados com a finalidade de preservar a fauna e flora nativa, principalmente as espécies ameaçadas de extinção, os recursos hídricos (nascentes, rios, cachoeiras), as formações geológicas; conservar valores culturais, históricos e arqueológicos e promover estudos e pesquisas científicas, educação e interpretação ambiental e turismo ecológico.

Os Parques são patrimônios das comunidades e têm o objetivo de preservar seus aspectos naturais. Algumas regras básicas de comportamento devem ser observadas:

- Animais, plantas, rochas, furtos, sementes e conchas encontradas no Parque fazem parte do ambiente e aí devem permanecer.

- Caçar, pescar e molestar animais silvestres é crime previsto em lei.

- Os animais precisam buscar seu próprio alimento para manter o ciclo de vida natural. Alimentá-los é um hábito prejudicial.

- As áreas de visitação pública, no interior dos parques, são restritas e, normalmente, estão sujeitas a horários definidos.

- Animais domésticos podem causar problemas, como a introdução de doenças e ameaças ao ambiente natural. Por isso, sua entrada nos Parques é proibida.


copyrigth 2005 © IEF - Instituto Estadual de Florestas - todos os direitos reservados